segunda-feira

Dia 3 = Estella - Logroño

Distancia Percorrida: 50,39 Km
Tempo de Pedal: 5h 10m 53s
Tempo total: 9h
Velocidade maxima: 52,5 km/h
Velocidade Media: 9,7 km/h
Fotos deste dia: Aqui.
ou
Aqui.

Primeiro de tudo, muito obrigado a todos pelas demonstraçoes de carinho, isso realmente emociona e dá-nos força para superar os desafios.

So, sai de Estella as 08:00h de la mañana. Como praxe, levantei-me cedo, a las 6, com todos os peregrinos. Acordar ao som de Bob Marley, nas alturas, foi lindo! O Albergue Municipal era espetacular. Uma grande mesa de café da manha, com todos repartindo aquilo que foi comprado na noite anterior. Muita simplicidade, mas muita fartura,,,

Ñ escrevi isso no dia anterior por falta de tempo, mas ao fim do dia de ontem, quando dirigia-me para o meu beliche, para dormir, uma senhora que estava na cama ao lado puxou conversa; Graziella, uma italiana com seus 60 anos, uma energia só! Percorre o caminho a pé, mas esta fazendo parte do percurso de onibus, pois tem o joelho bastante machucado.
Ficamos na conversa até que apagassem as luzes. Ainda bem que ela "habla español", e eu no "portunhol", e no meu "bad english",,,

Enfim, entreguei-lhe um dos meus dois tubos de gel, para dor muscular, que levava comigo, já que o joelho tb é meu problema. Neste momento, pude ver seus olhos encherem-se de água, e claro que o meu idem. Identificamos algumas afinidades em comum, e rimos bastante disso tudo.

Ao levantar-me pela manha, encontro em minhas coisas um chocolate que ela deixou, carinhosamente, sem eu perceber. Esperou que eu montasse na bicicleta para tirar fotos e después despedimo-nos, com a certeza de que talvez nunca mais fossemos encontrar-nos.
Foi muito bonito.

Parti para o meu caminho. O dia foi bastante duro, por várias vezes tive que descer da bike para poder vencer os obstaculos, entretanto se torna cada vez mais compensador! Vale cada esforço, suado, aguerrido,,,

Depois de 5 povoados, cheguei em Logroño, e resolvi parar, pois dois motivos: um, pois ouvi meu joelho dizer ao corpo para ter piedade! E 2 porque a cidade é simplesmente linda! Na primavera entao,,, Procurei pelo albergue municipal e surpreendi-me com a organizaçao e tamanho do dito cujo. Fiquei por lá mesmo.

Agora estou na primeira cidade da regiao de La Rioja, e deixo para tras a regiao de Navarra. Ate chegar em Santiago, faltarao outras duas regioes, Castilla Y Leon e Galizia.

Ao instalar-me no albergue, resolvi dar uma geral na Lady Laura, pois era barro que só.
Estou lá concentrado e entao ouço meu nome. Era a Graziella! Que felicidade que foi aquele momento. Ela foi de onibus e, "coincidentemente" instalou-se naquele albergue,,, coisas do caminho,,,

Fomos passear pela cidade, e depois juntamo-nos a um grupo no albergue: Duas portuguesas, Fatima e Carmo, do Porto; um sueco da minha idade, Thomas, um italiano figuraça, Alberto, sessenta e tantos anos, ex alpinista, ex-marinheiro, ex sei lá o que mais, so sei que ele fala 5 linguas e ficamos todos ouvindo e cantando suas muisicas na gaita. Jantamos e fomos dormir,,, Saudade desta gente ,,,

2 comentários:

Catarina disse...

Olá meu Filhão,
só para não perder o carimbo do peregrino. hehehehe
Deus abençoe vc. Mamica que te amaaaa
BUON CAMINO PEREGRINO.

Mary disse...

Glaicão,
EVOLUI, EVOLUI, EVOLUI, aliás tu estás sempre em evolução.
Muita força para o resto da caminhada.
O centro Novo Areeiro está contigo!!!!
O Sr. Madeira manda um big abraço, a Dona Ana passou por cá e falou que te quer doar um dinheirinho para patrocinar a viagem :)
Love u
Tua sempre amigona
Mary